Kodak Ultra 400, 2005, teste de ISO

Vencido há 16 anos, testamos agora!


Para fazer esse teste usamos a Leica M3 com Voighlander 40mm 1.4 e fotômetro digital.


As imagens foram feitas apenas para efeito de teste de ISO, utilizando luz natural.


Com o negativo em mãos, pude observar uma baixa densidade em todo o negativo, constatando sua perda de sensibilidade após o longo período de vencimento e armazenamento.


Na primeira imagem, ao entardecer, por volta de 18h, podemos observar uma dificuldade de sensibilizar a película, principalmente as baixas luzes, as sombras praticamente não foram mostradas.



FOTOS EM ISO 400



Com um pouco mais de luz, conseguimos observar mais informações, cores mais saturadas.


Também observamos a dificuldade do Scanner em encontrar corretamente os frames,

detalhe preto na parte inferior, causado pela baixa densidade no negativo.


FOTOS COM ISO 200


Em uma situação mais difícil como essa imagem acima, podemos observar muita informação, fotometrar em ISO 200 trouxe mais cores, detalhes cheios de informação ao filme vencido.


Muito grão, uma das características bem presentes dos filmes de ISO alto, e também em vencidos há muito tempo.


FOTOS EM ISO 100


Quando fotometrado em ISO 100, o filme ficou bem diferente, trouxe mais informações, cores mais vivas, sombras.

Nesse teste cheguei no ISO 100 como o ideal para esse filme de 16 anos.


E aí? Filme vencido funciona? Deixe seu relato nos comentários



1,028 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo